Vinho tinto Tarapaca Gran Reserva Cabernet Sauvignon 2015
Chile
Vale do Maipo, Chile

Vinho tinto Tarapacá Gran Reserva Cabernet Sauvignon

Tarapacá Gran Reserva Cabernet Sauvignon é o mais famoso e apreciado Gran Reserva Cabernet Sauvignon do Chile. Elaborado com uvas de vinhedos próprios da vinícola Viña Tarapacá, no Vale do Maipo, este vinho tinto exibe uma qualidade incrível pelo preço. Seduz, imediatamente, pelas notas intensas de frutas vermelhas, como cereja e framboesa, e de frutas pretas maduras, como ameixa, amora e cassis. Surgem ainda camadas de especiarias (pimenta preta e folhas de louro), além de toques de caramelo, toffee e baunilha, conferidos pelo envelhecimento em barrica. Na boca, o Tarapacá Gran Reserva Cabernet Sauvignon tem corpo médio, ótima estruturado de taninos maduros, acidez equilibrada e um final longo e saboroso.

Harmonizações:
Queijos maduros como Manchego e Emmental, carnes vermelhas como lombo, bife e entrecôte, e risoto de funghi.
5 (100%) 1 vote
Classifique esse vinho
compre agora e garanta o melhor preço
DE R$121,90
R$112,90

Em até 3x de R$37,63 s/ juros

O Tarapacá Gran Reserva Cabernet Sauvignon, da tradicional vinícola Viña Tarapacá, é um grande sucesso tanto no Chile (seu país de origem) como no Brasil!
Mais informações
País: Chile
Região:
Produtor:
Tipo:
Teor Alcoólico:
Volume da Garrafa:
Temperatura de serviço:
Safra: 2017
Vinho tinto Tarapaca Gran Reserva Cabernet Sauvignon 2015

Parte da colheita é manual e parte realizada por máquinas (à noite). Foi feita uma maceração pré-fermentativa a 12°C, por 72 a 96 horas e, após a fermentação alcoólica (26-28°C), uma maceração pós-fermentativa durante 10 dias, aproximadamente. Finalmente, o vinho é colocado nas barricas – de carvalho americano e francês; 20% novas e 80% usadas -, durante 12 meses, para a maturação e a fermentação malolática.

Queijos maduros como Manchego e Emmental, carnes vermelhas como lombo, bife e entrecôte, e risoto de funghi.

Fundada em 1874, a Viña Tarapacá imediatamente despontou entre os nomes fortes do vinho chileno – já em 1876 conquistara um importante prêmio nos Estados Unidos e, atualmente, seus vinhos Gran Reserva Etiqueta Negra, Gran Reserva Etiqueta Azul e Tara.Pakay são grandes referências entre os tintos do Novo Mundo. O cartão de visitas da vinícola é a linda Casona, uma construção erguida em 1927 em estilo toscano, a 80 km de Santiago. Os vinhedos emolduram a estrada que leva até essa casa de conto de fadas e ocupam um território singular do Vale do Maipo, que é o berço da vitivinicultura chilena e conhecido como um terroir exemplar para as uvas tintas, especialmente a Cabernet Sauvignon. A Viña Tarapacá possui 600 hectares de vinhas ali, mesmo assim não deixou de garimpar novos territórios. Os vales de Casablanca, Leyda e San António passaram a originar brancos puros, aromáticos e frescos e também tintos delicados à base da Pinot Noir sob a chancela da Tarapacá. As linhas Cosecha e Léon de Tarapacá são célebres “best buys”. Já a Gran Reserva revela a expressão máxima de cada variedade cultivada nos terroirs chilenos. Entre os tintos de alta gama, o Tara.Pakay é elaborado apenas nas grandes safras. O Gran Reserva Etiqueta Negra se tornou um clássico, uma das mais elogiadas versões da uva Cabernet Sauvignon do Chile, e o Gran Reserva Etiqueta Azul já nasceu como um dos grandes tintos do país.