Lapostolle Le Petit Clos
Chile
Apalta, Chile

Vinho tinto Lapostolle Le Petit Clos

Laspotolle Le Petit Clos é um vinho tinto chileno concebido sob um tremendo capricho pela equipe de enologia da vinícola Lapostolle, conhecida como o mais francês entre os produtores do Chile. Os vinhedos no privilegiado terroir de Apalta, na região do Vale de Colchagua, são cultivados de maneira orgânica e biodinâmica. As uvas Cabernet Sauvignon e Carménère, que compõem mais de 90% do corte final, são obtidas de videiras pré-filoxera, plantadas em pé franco, em 1920 (uma raridade!). Há ainda pequena percentagem de Petit Verdot no corte. A vinficação do Lapostolle Le Petit Clos é, praticamente, manual e por gravidade, com objetivo de resultar num vinho muito puro e fiel à expressão de seu território. Complexo e intenso, este vinho tinto chileno de elite oferece aromas sofisticados de frutas pretas e vermelhas, além de ervas frescas, especiarias e um toque de baunilha e notas amadeiradas. Com um paladar sedoso e elegante, é um vinho denso, com taninos finos, boa acidez e um longo final de boca. Dica de especialista: vale a pena decantar uma hora antes de servir.

Harmonizações:
Ideal para acompanhar carnes vermelhas e cordeiro.
pontuacao
JS
95
Classifique esse vinho
compre agora e garanta o melhor preço
DE R$699,90
R$597,00

Em até 3x de R$199,00 s/ juros

Laspotolle Le Petit Clos  é produzido com a mesma dedicação que o Gran Vin da vinícola Lapostolle, o vinho tinto Clos Apalta, ou seja, de maneira quase que totalmente manual. A diferença é que o Le Petit Clos pode ser apreciado mais jovem
Mais informações
País: Chile
Região:
Produtor:
Tipo:
Teor Alcoólico:
Volume da Garrafa:
Temperatura de serviço:
Safra: 2015
pontuacao
JS
95
Lapostolle Le Petit Clos

As uvas são cultivadas em vinhedos orgânicos e biodinâmicos, na subregião de Apalta. A colheita é manual e os cachos passam ainda por uma seleção e desengace manuais. São transferidos por gravidade para cubas de carvalho francês, nas quais acontece a fermentação alcoólica com temperatura controlada e leveduras nativas. Em seguida, o vinho é transferido para barricas novas de carvalho francês, onde ocorre a fermentação malolática. É realizado o lote das melhores barricas e, então, estágio de 17 meses em barricas e tanques de carvalho francês novos e usados. O vinho é engarrafado sem qualquer tratamento ou filtragem.

Ideal para acompanhar carnes vermelhas e cordeiro.

Lapostolle é o mais francês dos produtores chilenos. A vinícola foi fundada em 1994 pelo casal Alexandra Marnier Lapostolle e Cyril de Bournet com o objetivo de elaborar tintos e brancos de grande classe e muita elegância, cuja inspiração são os melhores vinhos europeus. De imenso prestígio, em poucos anos conseguiu uma verdadeira aclamação da imprensa especializada, estabelecendo-se como um dos mais reputados nomes do Chile. Nas palavras de Robert Parker, "talvez seja a mais brilhante vinícola chilena. Certamente a qualidade dos vinhos é espetacular". Lapostolle possui, atualmente, 370 hectares de vinhedos distribuídos em três propriedades e seus vinhos chegam a mais de 60 países do mundo.