Vinho Château Léoville Poyferré Grand Cru Classé
França
Bordeaux, França

Vinho Château Léoville Poyferré Grand Cru Classé

É um reputado vinho de Bordeaux e um dos mais prestigiados da denominação Saint-Julien, no coração do Médoc. Elaborado a partir da clássica mescla de Cabernet Sauvignon, Merlot, Petit Verdot e Cabernet Franc, este tinto combina caráter e elegância. Este Leoville Poyferré é elegante, aroma complexo de frutas negras, ervas e um leve toque defumado. Perfeito para celebrar ocasiões especiais!

Harmonizações:
Carnes de caça, Carnes vermelhas
pontuacao
WE
97
Classifique esse vinho
compre agora e garanta o melhor preço
R$1.842,00

Em até 3x de R$614,00 s/ juros

É um reputado vinho de Bordeaux e um dos mais prestigiados da denominação Saint-Julien, no coração do Médoc. Elaborado a partir da clássica mescla de Cabernet Sauvignon, Merlot, Petit Verdot e Cabernet Franc, este tinto combina caráter e elegância. Este Leoville Poyferré é elegante, aroma complexo de frutas negras, ervas e um leve toque defumado. Perfeito para celebrar ocasiões especiais!
Mais informações
País: França
Região:
Teor Alcoólico:
Volume da Garrafa:
Temperatura de serviço:
Safra: 2017
pontuacao
WE
97
Vinho Château Léoville Poyferré Grand Cru Classé

Fermentação em tanques de aço inoxidável, com controle de temperatura (25C) durante 4 dias.

Carnes de caça, Carnes vermelhas

Em 1638, Jean de Moytié, conselheiro do Parlamento de Bordeaux, era o proprietário do Mont-Moytié, vinhedo que, conforme o costume, levava o nome do dono. Esta foi uma das primeiras propriedades estabelecidas em Bordeaux, ao lado do Château Margaux, Château La Fitte e Château de Calon. Em 1740, já sob o comando de Alexandre de Gascq-Léoville, o local passou a se chamar Léoville e foi transformado na maior área de vinhedos do Médoc, com 120 hectares. Ao longo das gerações seguintes, a propriedade foi sendo dividida entre os descendentes e parte dela se tornou o Château Léoville Poyferré, graças ao casamento de uma das herdeiras com o Barão Jean-Marie Poyferré de Cerès. Em 1920, os Cuvelier, negociantes de vinhos em Bordeaux, compraram o Château Léoville Poyferré e o mantiveram como um dos grandes nomes do vinho francês até os dias de hoje.