Vinho tinto Achaval Ferrer Malbec
Argentina
Mendoza, Argentina

Vinho tinto Achaval Ferrer Malbec

Achaval Ferrer Malbec é um Malbec argentino de altíssimo nível, produzido a partir de uvas de vinhedos selecionados em Mendoza, com idade que varia entre 12 a 118 anos. Elas seguem uma vinificação muito particular e o vinho é envelhecido durante 9 meses em barrica de carvalho francês. O resultado é um vinho tinto de grande personalidade, com camadas de aromas florais e frutados. Na boca, Achaval Ferrer Malbec é encorpado, aveludado e tem um final longo e cheio de sabor.

 

Harmonizações:
Delicioso com cordeiro assado, churrasco e pratos de carnes vermelhas em geral.
JS
91
Classifique esse vinho
compre agora e garanta o melhor preço
DE R$199,90
R$183,00

Em até 3x de R$61,00 s/ juros

Achaval Ferrer Malbec é o "cartão de vistas" do portfólio de uma das mais premiadas bodegas da argentina: a Achaval Ferrer
Mais informações
País: Argentina
Região:
Produtor:
Uva: Malbec
Tipo:
Teor Alcoólico:
Volume da Garrafa:
Temperatura de serviço:
Safra: 2016
JS
91
Vinho tinto Achaval Ferrer Malbec

O Achaval Ferrer Malbecé um tinto elaborado a partir de uvas selecionadas em diferentes vinhedos de Mendoza, entre videiras jovens e centenárias. A fermentação alcoólica acontece em tanques de cimento com maceração para uma ótima extração dos componentes da casca da uva. A fermentação malolática é realizada em barricas de carvalho francês (de segundo uso) nas quais o vinho estagia por 9 meses. O Achaval Ferrer Malbec não é filtrado antes do engarrafamento

Delicioso com cordeiro assado, churrasco e pratos de carnes vermelhas em geral.

A história da Achaval-Ferrer tem início em 1998, quando um grupo de amigos argentinos e italianos resolveram unir força e expertise com o objetivo de produzir vinhos argentinos de classe mundial, ou seja, de alta qualidade, mas com alma e caráter próprios. Com este espírito em mente e a direção técnica nas mãos do sócio italiano Roberto Cipresso, um dos mais respeitados enólogos na atualidade, eles começaram a buscar vinhedos antigos nas diferentes altitudes de Mendoza. A primeira propriedade adquirida foi a Finca Diamante, no Vale do Uco, plantada com Cabernet Sauvignon, Merlot e Cabernet Franc – A Finca Diamante fornece boa parte das uvas que compõem o vinho tinto Quimera. Em 1999, o grupo encontrou a Finca Altamira, também no Vale do Uco, uma propriedade que data de 1925, plantada com a cepa Malbec em pé franco, mas que se encontrava abandonada na época. Logo na primeira colheita, ela deu origem a um dos mais premiados Malbec da Argentina – conquistando, de cara, as cobiçadas 5 estrelas da revista inglesa Decanter. A centenária Finca Bella Vista, localizada em Perdriel (Luján de Cuyo) e povoada com videiras de Malbec em pé franco;  e a Finca Mirador, com vinhedos de Malbec que remontam à primeira metade do século XX, uniram-se ao patrimônio da Achaval-Ferrer. A partir delas surgiram outros dois tintos de vinhedo único que, colheita após colheita, recebem muitos elogios da crítica especializada. Com seu conceito de vinhos de terroir – de pequena produção e mínima intervenção --  a Achaval-Ferrer alcançou lugar de destaque no panorama do vinho argentino e internacional, sendo considerada um dos melhores produtores do mundo! A revista norte-americana Wine & Spirits a elegeu“Vinícola do Ano 2009, façanha repetida em 2011 e 2012. Seu Finca Bella Vista 2010 foi o primeiro vinho argentino a figurar no Top 10 da revista Wine Spectator! A Achaval Ferrer também aposta em vinhos varietais com seu Achaval Ferrer Malbec e o Achaval Ferrer Cabernet Sauvignon representando a expressão de cada casta; além de oferecer um “tinto de autor”, no caso o Quimera, que consiste num blend de castas e vinhedos diferente a cada safra. O portfólio da Achaval-Ferrer é, portanto, um instigante universo para quem gosta de explorar o inesgotável mundo do vinho.